Supermercado é multado após superlotação e falta de controle no fluxo de clientes na cidade de Patos

O advogado Ítalo Torres, diretor do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON), do Município de Patos, confirmou na noite desta sexta-feira, dia 11, que o Hiper Queiroz, localizado no Bairro Santo Antônio, foi multado por descumprir normas sanitárias presentes nos decretos do Estado e Municipal.

O diretor do PROCON/Patos relatou que o estabelecimento seria interditado, mas a gerência se comprometeu em atender apenas os clientes que já estavam nas dependências internas do Hipermercado. A empresa sofreu três multas, sendo uma do PROCON, outra da Secretaria do Meio Ambiente do Município e a terceira da Vigilância Sanitária.

No início da tarde desta sexta-feira, os clientes reclamaram da falta de organização para adentrar no local. Vários áudios circularam em grupos de WhatsApp falando que dentro e no estacionamento as filas e as aglomerações eram visíveis.

O Guedes Supermercado foi citado pelos cidadãos, porém, a empresa controlou o fluxo de entrada através de fila. Várias pessoas foram aos principais supermercados diante do lockdown parcial que será realizado neste sábado e domingo, dias 12 e 13, respectivamente.

Polêmica Patos

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.