Mortes por coronavírus na Paraíba sobem para 28; Estado já contabiliza mais de 200 casos da doença

O número de mortes devido a complicações decorrentes do covid-19 na Paraíba subiu para 28, de acordo com dados divulgados em boletim desta sexta-feira (17). Ao todo, o estado da Paraíba já contabiliza 205 pessoas com diagnóstico confirmado para coronavírus.

Governo da Paraíba
Secretaria de Estado da Saúde
Atualização COVID-19 17/04 | 17h

Casos confirmados: 205
Casos descartados: 979
Óbitos confirmados: 28
Casos recuperados: 90

Dos 205 casos confirmados até esta sexta, 17 de abril, 90 já se recuperaram, 24 estão hospitalizados, 9 deles em leitos de UTI e 28, infelizmente, faleceram. Os demais se recuperam em isolamento domiciliar acompanhados pelas secretarias municipais de saúde.

Os casos estão distribuídos em 16 municípios: João Pessoa (148), Santa Rita (17), Campina Grande (8), Cabedelo (8), Bayeux (6), Patos (5), Junco do Seridó (3), Pombal (2), Serra Branca (1), Sape (1),  Sousa (1), Igaracy (1), Taperoá (1), São João do Rio do Peixe (1), Riachão do Poço (1), São Bento (1) .

Os óbitos confirmados nesta sexta, são do seguinte perfil:

Mulher, 93 anos, residente em João Pessoa, doença respiratória de base e estava internada em hospital público. Óbito ocorrido em 16/04/2020.

Homem, 57 anos, residente do município de Riachão do Poço, Hipertenso, Diabético, em tratamento renal e estava internado em hospital público. Óbito ocorrido em 13/04/2020.

No momento, 146 pessoas estão internadas com notificação de suspeita para Covid-19, sendo 111 em enfermaria (67 público/ 44 privado) e 35 na UTI (22 público/ 13 privado). Os demais casos hospitalizados e com resultado não detectável seguem em investigação para demais vírus.

Importante: Os dados divulgados na última quinta (16) sobre internação foram complementados. Segue o dado corrigido de pacientes internados na data de ontem: 135 pacientes internados, 30 em UTI e 105 em enfermaria. Destes, 27 estavam confirmados para Covid-19, 9 na UTI.

ClickPB

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *