Peritos encontram cachorros mortos na chacina de Igaracy enterrados em lixão

A matança de cerca de 50 cachorros na cidade de Igaracy, no Sertão do Estado, continua repercutindo nas redes sociais e indignando os defensores dos animais. Na tarde desta quarta-feira (07), uma perícia localizou os corpos dos cachorros enterrados em um lixão da cidade.

Na ocasião estiveram presentes além dos peritos, representantes do Ministério Público, um delegado designado para investigar o crime e ONGs de proteção animal. O Ministério Público pediu ainda ontem a exoneração do secretário de saúde da cidade, José Carlos Maia, que teria determinado a matança dos animais. Foi solicitado ainda a ficha veterinária dos animais e informações sobre as patologias que justificassem a eutanásia.

Depoimentos indicam que os animais podem ter sido mortos a pauladas e não através de eutanásia, como havia sido informado pela prefeitura. A ONG Adota JP postou em suasredes sociais fotos e relatos da visita ao local. “Pela quantidade de sangue no local vimos que não foi uma eutanásia ética, muito sangue pelo chão e parede, o que nos leva a pensar que foram mortos a pauladas”, comentou a ONG.

CAes

Clickpb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *