Maranhão se diz disposto a unir Oposição

Senador e pré-candidato ao Governo do Estado, José Maranhão (MDB) se mostrou disposto a buscar entendimento com integrantes da Oposição para as eleições de outubro, no entanto, destacou que para isso são necessários critérios, como análise de pesquisas. Segundo ele, a política é a “arte dos possíveis”.

“Tem que ser um candidato homologado pelo povo”, frisou, revelando ter obtido bom desempenho nas pesquisas qualitativas.

Porém, na mesma entrevista em que revelou disposição para uma união já falada anteriormente, mas não colocada em prática, Maranhão também demonstrou que a unidade não deve ocorrer. “Cada um tem um projeto. Acham que uma aliança com determinada pessoa pode dar abertura em João Pessoa”, afirmou.

Ele destacou que nunca se opôs à escolha de um candidato do grupo que representasse os três partidos de Oposição e criticou reunião ocorrida em Brasília, onde o PSDB ‘bateu o martelo’ e confirmou apoio à pre-candidatura de Lucélio Cartaxo ao Governo. “Aquele encontro foi tão catastrófico que todo mundo criticou”, opinou.

‘Namoro’ com Progressistas

José Maranhão (MDB) voltou a apostar em uma possível aliança com o Progressistas após a deputada estadual Daniella Ribeiro anunciar sua pré-candidatura ao Senado. Ele revelou ter conversando com o deputado federal Aguinaldo Ribeiro há duas semanas.

“Namoro quando é seguro não precisa ficar nesse pega-pega”, disse ao se referir ao ‘longo período’ sem contato com os Progressistas. Ainda sem saber com quem o partido irá se aliar, Maranhão disse esperar o apoio da sigla.

Alvo de críticas por sua idade e por disputar um quarto mandato à frente do Governo do Estado, José Maranhão demonstrou que essa é sua melhor qualidade. “Meus adversários ficam dizendo que sou velho, mas estão apenas enaltecendo a melhor qualidade que tenho. Eu mostro o que fiz”, frisou.

A entrevista com o senador foi a segunda de uma série com pré-candidatos ao Governo do Estado no Arapuan Verdade, da Arapuan FM.

MaisPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *