Falta de medicamentos e insumos afeta Hospital Regional de Patos

As denúncias de falta de medicamentos, soro, luvas e outros insumos foram confirmadas pela diretora do Hospital Regional de Patos. Liliane Sena disse que os problemas estão existindo, mas também comentou que estão se resolvendo, e que nesta sexta-feira, dia 02, chegou um carregamento para suprir parte da demanda necessitada pelo órgão de saúde mais complexo da região.

A reportagem recebeu informações que os acompanhantes e familiares de pacientes estão tendo que comprar medicamentos, pois os estoques chegaram ao fim em alguns itens. “Está faltando até o básico como luvas, soro, ataduras e gases…”, relatou um funcionário que pediu para não ser identificado.

Um médico confessou que medicamentos como Ranitidina, Omeprazol, além de antibióticos e anfetaminas, também estão escassos. Material para aplicação de soro, chamado equipo, estão no fim. “A saúde no país está cada vez pior! O Governo Federal fez cortes profundos nos recursos e o Governo do Estado tem que suprir essa carência com recursos do próprio estado, o que não pode é o povo sofrer devido aos ataques ao Sistema Único de Saúde que é uma conquista da sociedade”, desabafou o profissional.

Falando sobre os problemas, Liliane Sena relatou: “O início de cada ano é sempre um desafio. O sistema financeiro é fechado. Em janeiro é muito complicado e temos dificuldades com fornecedores. A secretária de saúde já garantiu que irá resolver a semana que vem, pois reabriram as compras e voltaremos a normalidade”, explicou.

Patosonline.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *